Assimetria Mamária Pode Ser Causada Por Síndromes. Saiba Quais São

sindrome-mamaria-pablo-huber

Todas as mulheres possuem algum grau de assimetria mamária, mas uma parte delas apresentam essa diferença devido a problemas de malformação e que constituem em alguns casos algum tipo de síndrome. É importante que se ressalte que, nem toda a assimetria é considerada uma malformação, por isso vou explicar com mais detalhes cada um dos casos para aumentar seu conhecimento quanto a essas situações  mais extremas da cirurgia plástica.

Existem dois tipos mais comuns que ocasionam malformação mamária: a primeira caracteriza-se como a Síndrome de Poland e a segunda é denominada como Mamas Tuberosas. Cada uma delas possui sua especificidade e é necessária uma avaliação adequada antes de indicar algum tipo de cirurgia.

Síndrome de Poland

Nós temos uma artéria em nosso corpo, que se origina na artéria aorta, chamada subclávia. Ela é responsável pela irrigação sanguínea para os membros superiores e para grande parte da caixa torácica anterior no lado em que ela sai, ou seja, a musculatura e ossos da parede torácica. Em algumas pessoas, durante a vida embrionária, essa artéria é hipoplásica (não se desenvolve adequadamente) e não consegue irrigar adequadamente as estruturas que normalmente são irrigadas por ela.

Dessa forma, em maior ou menor grau, todo o território que precisa dessa irrigação sanguínea recebe menos sangue e acaba por crescer e se desenvolver menos. É importante ressaltar que quem possui Síndrome de Poland, pode apresentar todo o espectro da síndrome ou apenas traços, dependendo do grau de hipoplasia da artéria subclávia. Nos casos mais graves, esse “entupimento” da artéria ocasiona deformidades nas áreas afetadas, sendo mais comum as deformidades na parede torácica (a mama tende a ser pequena e subdesenvolvida no lado acometido), podendo acometer em graus variáveis o membro superior no lado afetado.

Basicamente, todos os pacientes que apresentarem deformidades nos membros superiores apresentarão deformidade na parede torácica, porém nem todos que apresentam deformidade na parede torácica possuem deformidades nos membros superiores.

Esta síndrome pode afetar tanto homens quanto mulheres e é necessária a reconstrução do local, utilizando-se implantes de silicone em muitos casos.

Mamas Tuberosas

Nestes casos, as pacientes apresentam nas formas mais graves da síndrome, mamas em formato de raiz. A aréola possui um aspecto bem dilatado e os seios se desenvolvem em formato de tubo. As mamas tuberosas apresentam assimetria quando a paciente tiver, por exemplo, a síndrome em apenas um dos seios e ela normalmente é descoberta, assim como a Síndrome de Poland, na puberdade.

Existem graus em que essa malformação se apresenta. Nos graus mais leves, a mama sofre apenas uma hipoplasia do polo inferior, que fica mais estreito e nos casos mais graves, a mama cresce em forma de raiz.

Na prática em consultório, uma tática que utilizo para corrigir esse tipo de assimetria mamária é o enxerto de gordura da própria paciente, associado a colocação de implantes de silicone. Porém, é importante que a paciente marque sua consulta e seja avaliada adequadamente para um diagnóstico preciso. Não deixe de compartilhar esse post e nos seguir nas redes sociais para receber esses e outros conteúdos.